FAMÍLIAS ANÓNIMAS SÃO

Famílias Anónimas são grupos de pessoas cujas vidas foram afectadas pelo uso de substâncias químicas psicoactivas ou por comportamentos com ele relacionados de um familiar ou amigo.
Qualquer pessoa nessas condições (mesmo quando haja apenas suspeitas) é encorajada a participar nas nossas reuniões.
Embora existam problemas de recuperação para os indivíduos que procuram ajuda, Famílias Anónimas são para nós: pais, cônjuges, irmãos ou outros familiares ou amigos emocionalmente envolvidos.
Ao princípio, parecia estarmos a ser ajudados ouvindo aqueles que partilharam experiências idênticas e encontrámos algumas respostas. Frequentando as reuniões, estudando a literatura, falando com outros membros e trabalhando os Passos do nosso programa, a nossa situação começou a parecer-nos diferente e as reacções começaram a modificar-se.
O que está a acontecer é que nós estamos a aprender a enfrentar a realidade e o nosso crescimento emocional está a ser encorajado.
Além disso, estas novas mudanças poderão criar uma atmosfera familiar favorável à recuperação.
Nas Famílias Anónimas não há directores nem autoridades; a coordenação vai alternando entre os membros. Não existem quotas para se ser membro.
Apenas se usam os primeiros nomes. A tradição do Anonimato protege a privacidade de quem esteja envolvido nas FA.
O nosso programa é aberto a todos, independentemente das suas crenças ou falta de crença. A aceitação pelos membros de um Poder Superior é estritamente uma escolha pessoal.
Não estamos filiados em nenhuma seita, religião, partido político ou qualquer outra instituição.
O nosso principal objectivo é praticar os princípios de FA e assim podermos ajudar-nos, ajudando os que têm problemas semelhantes.
Descobrimos que trabalharmo-nos a nós próprios é a coisa mais importante que podemos fazer para ajudar aqueles que nos trazem preocupados.
Não há regras ou deveres no nosso programa, excepto o de continuar a vir!